RESISTIVIDADE ELÉTRICA EXPERIMENTAL E CALCULADA DO CONCRETO COM CIMENTO CP V

Ronaldo A. Medeiros Junior, Mario Sergio Mandu Kleina, Ricardo Cezar Volert, Rodrigo Oliveira Müller

Resumo


O ensaio de Resistencia Elétrica Superficial (RES) é um importante parâmetro para medir a durabilidade e vida útil de estruturas de concreto, pois fornecem parâmetros para mensurar a permeabilidade do concreto, os possíveis ataques de agentes agressivos, sendo ainda um ensaio não destrutivo. Este estudo trata da comparação do ensaio de RES entre quatro diferentes traços de concreto utilizando cimento Portland CP V ARI, variando o consumo de cimento entre 250 e 400 kg/m³. Os resultados experimentais de resistividade foram obtidos com o Método dos Quatro Pontos, também chamado de Método de Wenner, aos 7 e 28 dias de idade, em corpos de prova cilíndricos de ϕ10x20cm. Tais resultados foram comparados à resistividade do concreto calculada através do modelo proposto por Andrade e D’Andréa (2011), na qual induzem uma metologia para a determinação da RES de um concreto baseado na lei de Archie e Powers, que se mostrou valido e coerente.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, C. Calculation of initiation and propagation periods of service-life of reinforcements by using the electrical resistivity. International Symposium on Advances in Concrete through Science and Engineering, RILEM Symposium, Evanston, 2004.

ANDRADE, C.; D’ANDRÉA, R. La resistividad eletrica como parâmetro de control del hormigón y de su durabilidad. Revista ALCONPAT, v.1, n. 2, p. 93-101, 2011.

CASTELLOTE, M.; ANDRADE, C.; ALONSO, M. C. Standardization, to a reference of 25ºC, of electrical resistivity for mortars and concretes in saturated or isolated conditions. ACI Materials Journal, v.99, No.2, p.385-390, 2002.

GARBOCZI, E.J. Permeability, and microstructural parameters: A critical review. Cement and Concrete Research, v.20, p.591-601, 1990.

GLASS, G. K. Et al. Factors Affecting Steel Corrosion In Carbonated Mortars. Corrosion Science, v.32. 1991.

GOÑI, S.; ANDRADE, C. Synthetic concrete pore solution chemistry and rebar corrosion rate in the presence of chlorides. Cement and Concrete Research, v.20, p. 525-539, 1990.

HELENE, P. R. Contribuição ao estudo da corrosão em armaduras de concreto armado. Tese (Livre-Docência) - Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, Departamento de Engenharia Civil, São Paulo, 1993.

HOPPE, T. Resistividade elétrica do concreto contendo diferentes teores de cinza de casca de arroz. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2005.

LENCIONI, J. W. Estudos sobre resistividade elétrica superficial em concreto: análise e quantificação de parâmetros intervenientes nos ensaios Tese (Doutorado em Engenharia de Infraestrutura Aeronáutica) - Instituto Tecnológico de Aeronáutica, ITA, Brasil, 2011.

MILLARD, S. G. Reinforced concrete resistivity measurement techniques. Proceedings of InstitLute if Civil Engineers. Vol. 91, parte 2, (1991), p. 71-88.

NBR 5738 (2016). Cimenti Portland de Alta Resistência inicial. Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT, Rio de Janeiro, Brasil.

NBR 5739 (2007). Concreto – Ensaio de compressão de corpos-de-prova cilíndricos. Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT, Rio de Janeiro, Brasil.

NEVILLE, A. M. Propriedades do concreto. São Paulo. PINI. 1997.

SANTOS, L. Avaliação da resistividade elétrica do concreto como parâmetro para a previsão da iniciação da corrosão induzida por cloretos em estruturas de concreto. Dissertação (Mestrado em estruturas e Engenharia Civil) - Universidade de Brasília, Brasília, 2006.

SCHULTE, C.; MADER, H.;WITTMANN, F.H. “Electric Conductivity of Hardened Cement Paste at Different Moisture Contents”. Cement and Concrete Research 8, Nr. 3, S, 1978. pp.359-368.

WHITING, D. A.; NAGI, M. A. Electrical resistivity of concrete – A literature review. 2003. 57p. R&D Serial n. 2457. Portland Cement Association. Skokie, Illnois, EUA.

WHITTINGTON, H. W; MCCARTER, W. J; FORDE, M. C. The conduction of electricity through concrete. Magazine of Concrete Research, Vol 33, n. 114, 1981. p. 48-60.

WOELF, G. A.: LAUER, K. The Electrical Resistivity of Concrete With Emphasis on the use of electrical resistance for measuring moisture content. Cement, Concrete and Aggregares, v. 1, n.2, 1979.

WONG, P.; KOPLIK, J.; TOMANIC, J. P. Conductivity and permeability of rocks. Physical Review, B30, 6606, 1984.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.